quarta-feira, 29 de julho de 2015

Fim Da LiCenÇa Alargada_ Avós|Berçário e a minha opção...

Antes de abordar o tema é importante dizer que sou sem dúvida uma privilegiada por ter tido oportunidade de estar com o LittleS durante estes 7 meses, podendo assim acompanhar mais de perto o seu crescimento, presenciando as suas conquistas, os seus sorrisos e choros (poucos) e de re-descobrir diariamente que este amor é realmente avassalador e gigantesco! 

Obviamente que esta benesse (licença alargada) só foi possível graças ao #Marido que me apoiou e que de certa forma incentivou na decisão de prolongar a licença de maternidade... #ThanksHusband Nestes 7 meses muito fizemos para criar um bebé alegre, activo, feliz nas suas necessidades biológicas e psicológicas, promovendo-lhe um ambiente seguro, estimulante e afectuoso aproveitando cada minutinho desta criatura abençoada...
Momentos Únicos e Mágicos dignos de _Um Mundo Encantado...
Porém o tempo voa e o meu regresso aproxima-se! Com o regresso ao trabalho surge então a decisão difícil de o deixar ao cuidado de outras pessoas, com o intuito de diminuir os "danos" da separação decidi começar a "deixa-lo" de forma gradual evitando assim mudanças bruscas na rotina do #LittleS. Mas antes de vos contar a minha opção quero que saibam que não sou fundamentalista, nem que sou dona da verdade (até porque a minha opção de certa forma foi facilitada), quero antes reforçar que qualquer que seja a opção Avós|Berçário terá sempre prós e contras.

Berçário: O facto de os deixarmos com profissionais especializados, que vão trabalhar as competências e necessidades dos nossos filhos parece ser um ponto a favor. No entanto surgem outras situações que pesam contra, como por exemplo os Virús. Crianças nos berçários tem mais propensão a ficarem doentes (lembrem-se a amamentação ajuda bastante a diminuir as principais causas de infecção). 

Avós: Depois dos pais os avós são as pessoas que mais querem bem aos nossos filhos, com esta opção estamos a permitir que a criança  cresça num ambiente familiar ajudando assim a reforçar vínculos num ambiente onde se sentem amados. No entanto a disponibilidade dos avós por vezes não é total, porque para além de estarem a tomar conta dos nossos filhos continuam a ter as tarefas domesticas para fazerem e a sua vida pessoal.  Outra situação tem a ver com a energia (pilhas duracell) que a criança tem, por vezes pode-se tornar esgotante para quem está diariamente com ela.

A minha opção: Como referi anteriormente a minha opção foi facilitada pelo facto de não viver perto dos avós, assim só restou a opção berçário :)(sim, porque nunca ponderei deixa-lo numa ama!).

Para que saibam ainda o #LittleS. estava na barriga e eu já tinha escolhido e reservado vaga para o pequeno, aconselho todas as futuras mamãs a fazerem o mesmo, com tempo fazem uma pesquisa dos berçários que existem por perto e caso nenhum seja do agrado começam a pensar noutras opções...

  • A estratégia adoptada e tendo em conta que por volta dos 6 meses o bebé deve começar a relacionar-se com pessoas fora do circulo familiar* começando assim aprender a estabelecer relações com confiança e prazer, decidi leva-lo para o Berçário ainda durante a minha licença de maternidade! Iniciei com uma hora :)(a primeira vez fiquei no carro à espera que a hora passasse hihihi coisas de mãe de primeira viagem) e fui aumentado gradualmente o tempo... Hoje em dia já está perfeitamente familiarizado com as educadoras e auxiliares e é o sedutor do berçário que quer atenção toda para ele! 
  • Inconvenientes desta opção, ansiedade de o ir buscar e as famosas viroses. Na semana passada teve uma gastroenterite que apesar de não lhe ter tirado o sorriso deixou-nos preocupados e fez com que voltasse a estar só comigo!
  • Prós orgulho em cada trabalhinho exposto no placar da entrada e de o ver no palco na festinha da escola.

Apesar de todos os contras eu sei que mais cedo ou mais tarde as crianças que hoje estão com os avós vão passar pelos obstáculos e problemas que o #LittleS está a viver agora. Com esta opção estou a favorecer de forma precoce as habilidades sociais do meu pequeno ajudando-o a compreender que não está sozinho no mundo, fazendo com que aprenda a lidar com a frustração tornando-o assim mais tolerante e pronto a viver em sociedade. 
**MiMi**

* desde os dois meses que o #LittleS convive com muitas pessoas, estou-me a lembrar da minha #missãoRecuperação :) foi um fartote de colos e mimos... 

quarta-feira, 1 de julho de 2015

A trabalhar aLiCerCes Cerebais com o LittleS.....

Há algum tempo atrás tive a oportunidade de ir a uma formação que muito me ajudou enquanto #mimiMidwife mas que foi muito mais vantajosa como #mimiMummy, pois tive a confirmação cientifica que todo o "trabalho" que tenho vindo a desenvolver com o #LittleS é importante e vai trazer benefícios a longo prazo...

Hoje partilho convosco um pouco do que aprendi para que também vocês trabalhem a arquitectura cerebral das vossas criaturazinhas  promovendo assim a criação de alicerces sólidos promotores de ligações rápidas e ricas. Para isso só tem que aproveitar os momentos a dois/três tornando-os mais ricos, pois este investimento está mais relacionado com a qualidade de tempo e não tanto com a quantidade de tempo...
A relação de vinculação que vocês já criaram (enquanto amamentam, vestem, brincam, massajam...) vai ajudar bastante ou melhor vai proporcionar jogos de acção/reacção que por sua vez ajudam a criar momentos de aprendizagem. Deixo um video que explica muito bem a importância destes jogos.


*Passo a vida a falar na Vinculação, aquela relação de proximidade e afectividade que mãe e filho estabelecem que provocam um brilhozinho no olhar sempre que estes se cruzam e que proporciona um sentimento de segurança mesmo na ausência desta... Falo muito porque trabalho-a todos os dias.... :) desde o momento em que o #littleS sorri para mim logo pela manhã, até ao momento em que o coloco a dormir!
**MiMi**

sábado, 13 de junho de 2015

O sOno aOs 5MeSes e quarTo do LittleS à EsPeRa DELE....

Dorme que nem um Anjo :)
Até então não tenho o que apontar ao LittleS., dorme e deixa dormir. Mas o tempo está a passar rápido de mais e (pelos vistos) está na altura de (pensar) em coloca-lo no seu quarto! OMG ele ainda é tão pequenino e está tão bem ao pé de mim! 
Adoro vê-lo no berço que a vovó Lala ofereceu e que idealizei com tanto amor, mas o momento é agora!!! Tem mesmo que ser para evitar a fase da "ansiedade da separação", que ocorre por volta dos 8/9 meses, no entanto é preciso ter alguma atenção porque aos 5 meses pode haver algumas alterações no padrão do sono!!


Por ser um momento de mudança decidi escrever este post que serve para alertar os papás das alterações que ocorrem no sono das criaturazinhas e que podem fazer com que deixem de ser anjinhos a dormir (eu até estou com medo)!

Assim por volta dos 5 meses alguns bebés tem dificuldade em conciliar (interligar) o sono podendo acordar várias vezes ao longo da noite... é nesta altura que os ciclos de sono dos bebés se alteram (sendo a quantidade total de horas de sono superior à dos adultos). 
O ciclo do sono das crianças é diferente do ciclo dos adultos, este repete-se ao longo da noite, passando de sono profundo a sono ligeiro entre uma a três vezes/noite. Para além de que a duração média em cada período é inferior à nossa e é nestas alturas que as criturazinhas podem acordar (o ciclo de sono do bebé é em média 45 minutos) não fazendo a  conciliação do sono.

Como devemos fazer no caso da CriaturaZinha ACOrDar a meio da noite??

_Acalmá-lo, colocando a chupeta (se não se acalmar com a chupeta pode ser sinal de fome ou sede, nos dias de calor é bem provável que seja sede. DICA: Coloquem um biberão de água por perto ou ofereçam antes de adormecerem;
_Acaricia-lo tocar no corpo sem o retirar do berço (assim tb vemos se está com calor, frio ou até se está molhado...);
_Nunca deixe o bebé chorar sem lhes dar atenção;
_Nunca dê soníferos, nem charopes, nem gotas porque actua sobre o sistema nervoso central do bebé precisamente quando está em actividade a fase de desenvolvimento da inteligência e da personalidade;

Podemos ainda ajudar o bebé a dormir...

_No momento em que está acordado devemos proporcionar actividades interessantes (coloca-lo a brincar no ginásio, interagir com o bebé, passear, falar e fazer jogos com eles...) ;
_As actividades deverão diminuir de intensidade à medida que a hora de dormir se aproxima;
_Criar a rotina do sono :) por exemplo: Dar-lhe banho, ler uma história, alimenta-lo e coloca-lo ainda acordado no berço com uma música calma e um objecto familiar por perto (no nosso caso é a naninha :) )
_Ao contrario do que possam imaginar as sesta durante o dia (1/2h pela manhã e tarde) são extremamente importantes pois o sono do dia é uma preparação para melhorar e consolidar o da noite. Portanto está errado cansa-los durante o dia para dormirem melhor à noite. 
_Não mude a posição que naturalmente adopta para dormir, pois sente-se mais seguro e confortáveis na sua própria postura. 

A dar o meu melhor como #MiMiMummy


sábado, 30 de maio de 2015

O BumBo SiTter do LittleS. na descoberta do MunDo *

Já algum tempo que conheço o BumBo_Baby_Seat  e recomendo-o como #MiMiMidwife, portanto não é de estranhar ter comprado um para o LittleS porque hoje sou muito mais #MiMiMummy. 
Para começar a usar o Bumbo_Baby_Seat o vosso bebé apenas tem que ser capaz de segurar a cabeça sozinho. No nosso caso já podiamos ter colocado o LittleS num Bumbo_Baby_Seat desde dos 2/3meses, no entanto, só vimos necessidade de o introduzir agora como está numa fase de descoberta muito motora com o bumbo baby seat ficou com mais "liberdade". Os estímulos do mundo começam a ser um desafio e perdição para o pequeno e assim pode olhar para todos os lados e mexer (meter à boca) em tudo o que está ao seu alcance, para além de que começa a ficar pesado andarmos com ele ao colo :) 

O Bumbo_Baby_Seat trata-se de um assento ergonómico desenhado para sentar as criaturazinhas que ainda não se sentam por elas próprias , permitindo que estas tenham uma postura correcta favorecendo desta forma uma melhor interacção com os objectos e mundo que as rodeiam.
Com este assento a postura das criaturazinhas melhora, porque vai flectir ligeiramente as ancas facilitando a extensão lombar fazendo com que a curvatura suave (mesmo muito suave, acreditem!) do encosto do assento Bumbo_Baby_Seat coincida com a curvatura natural da caixa torácica do bebé, facilitando o apoio do tronco da criança quando esta brinca, descansa, come e descobre o mundo ao seu redor. Ajuda ainda no correcto controlo da respiração, bem como evita refluxos após a alimentação.
O Bumbo_baby_Seat é super prático de transportar, ótimo para o usar no momento de brincadeira/aprendizagem porque a posição de sentado ajuda-o a desenvolver e a manter o equilíbrio essencial para o desenvolvimento físico assim como favorece novas perspectivas do mundo que irão contribuir para o desenvolvimento cognitivo. 
Com estes momentos estamos também a fortalecer laços  pois o facto do bebé estar sentado no Bumbo_Bay_Seat exige a presença/supervisão de um adulto o que proporciona um momento de interacção entre os dois, tornando assim estes pequenos momentos de prazer, descoberta, brincadeira também em momentos de crescimento e estimulação saudável. 
Deixo o Link com um Video do YouTube que explica as principais precauções a ter com o Bumbo_baby_Seat (está em inglês)
*MiMi*

sexta-feira, 22 de maio de 2015

Missão Recuperação no Spa :)

Agora que o plano de tratamento da #missãorecuperação(*) está terminado (e com ótimos resultados, peso anterior à gravidez alcançado ainda que tenha ficado alguma flacidez)  dei inicio à #missãorecuperaçãobyme. Para já comecei com uma sessão de relaxamento... já há muito tempo que estava a precisar de 50 min só para mim... 
fiquei no céu com direito a estrelas e tudo :)
O local escolhido para a massagem de relaxamento foi o bodypassion Day Spa, conheci este espaço na despedida de solteiro da Paulinha e a simpatia e o ambiente acolhedor fizeram-me regressar... deixo algumas fotografias!! Se vocês quiserem conhecer o bodypassion Day Spa também podem e devem. Para usufruírem de um desconto basta dizerem que leram o post da Mimi e que também vocês querem uma massagem de relaxamento :) O que vos parece?? 

*chá no final do tratamento, como gosto destes mimos*
fica a promessa de voltar :)
(*)_ um beijinhos especial a todos os terapeutas e auxiliares que colaboraram na minha recuperação... Sim foram muitos porque enquanto a #terapeutamónica e a #terapeutaAmigaSu trabalhavam comigo o LittleS (mais conhecido por Pipoquinha) era mimado por todos permitindo um melhor trabalho das Fisioterapeutas... (#atégostodealgumasfisioterapeutas)

**MiMi**

http://magis.to/PSt-UUdYQEIrei0HDmEwCXp8?l=vsm&o=i&c=e

domingo, 17 de maio de 2015

_Crescer com Memórias Felizes_ trabalhando os Sentidos

#MiMi&Son
(18 p.m. por isso está sem chapéu, mas mm assim tem protector solar :))
O tempo que investimos em actividades com as nossas "criaturazinhas" vai ter um reflexo a longo prazo no que diz respeito ao desenvolvimento afectivo e intelectual, é por isso que dedico tempinho de qualidade com o meu LittleS. Hoje fomos sentir a areia aproveitando o bom tempo com um conjunto bem fofo, afinal só somos bebés uma vez na vida e os meninos também podem ser "Bogoletas" :) * 
Os sentidos são a forma que o bebé tem de entender o que o rodeia, assim através dos sons, cheiros, paladar, visão e principalmente através toque conhecem o MunDo... A praia parece-me o sitio fantástico onde todos os sentidos podem ser explorados ao máximo, à excepção do paladar que no caso seria areia na boca (faltou um "danoninho" para LittleS. conseguir sentir). 
Reconhecimento da areia. A sentir novas texturas!
Para terem noção de como a experiência (relacional e comportamental) é importante, esta representa 80% da capacidade de desenvolvimento cerebral e apenas 20% dizem respeito a factores genéticos. As experiências e a repetição destas vão moldar a arquitectura do cérebro que por sua vez vai ser determinante no fortalecimento das sinapses (impulsos nervosos)contribuindo para que haja fundações cerebrais mais fortes, reflectindo-se posteriormente no desenvolvimento e aprendizagem dos bebés (de hoje adultos de amanhã)...
Desta forma, e sabendo que o cérebro constrói  com base em experiências sensoriais repetitivas...
_converso com o LittleS. ao longo do dia e passo o tempo a cantarolar para ele (audição)favorecendo desta forma a aquisição de vocabulário para mais tarde dar inicio à linguagem;
_dedico tempo para a aprendizagem e descoberta no tapete/ginásio de forma autonoma (tato e visão) favorecem a confiança do pequeno;
_realizo (quase) sempre uma actividade com ele, trabalhando a vinculação e um dos sentidos mais especificamente;
_faço a massagem depois do banho para além de fazer parte da rotina, faz com que trabalhe todos os sentidos, o tato através do toque, o olfato com o cheirinho do creme, a visão comunincando olhos nos olhos e fazendo diferentes expressões faciais que o fazem rir, a audição porque existe um dialgo constante entre nós os dois e por último o paladar, sim o paladar também está presente porque o Sr. LittleS. gosta de colocar tudo à boca, toalha, mãos dele as minhas mãos, brinquedos que estejam por perto. Dica importante... DEDIQUEM 5 min do vosso tempo a fazer a massagem é um momento muito completo com Beneficios fantásticos como podem reler no post.
_e por último mas não menos importante dou-lhe muito Mimo (não há mimo a mais :) faço com que sinta Amado, mostrando que estou presente e que é compreendido e atendido quando necessita. Aquele Mito que o bebé deve chorar está errado pois é terrivelmente nefasto pois aumenta produção de cortisol que é corrosivo para as ligações já formadas, devemos portanto atender logo que solicitados diminuido a frustação dos nossos pequenos favorencendo a confiança... Experiências afectivas ficam para sempre portanto temos que criar momentos, laços e memórias Felizes.

Tudo o que descrivi anteriormente fazem parte da minha estratégia de acção para trabalhar a arquitetura e as fundações cerebrais do meu littleS. :) contribuindo assim para que seja uma criança feliz e um adulto sociável, inteligente valorizado e integrado no mundo.

Conjunto completo BogoletaCouture
* Bogoletas, já conheciam?? Eu descobri na Menina Manel a(quela) loja fantastica que tem sempre coisas novas e girissimas e onde somos sempre recebidos de forma especial! 
Este conjunto acenta que nem uma luva ao littleS. o curioso é que o espaço Bogoleta_Couture é da Trofa, terra do pai do littleS. e nós não sabíamos... acho que vamos ter que ir conhecer :) *
*MiMi*
 

quinta-feira, 7 de maio de 2015

Um Monstro Chamado * CÓLICAS *

Felizmente o LittleS não teve Cólicas, mas este tema assusta a grande parte dos papás e portanto vamos lá fazer um post, (outro tema que tem "pano para mangas", tal e qual a AMAmentação)!  

até de beicinho é fofinho... Sou suspeita :)
A verdade é que para mim as Cólicas tem as costas largas e ficam com grande parte da culpa de choros incompreendidos, se não vejamos, as "criaturazinhas" quando nascem não sabem falar, certo? Então como querem que elas expressem as suas necessidades... Isso mesmo, só existe uma forma e essa é o CHORO (podem rever os post acerca do CHORO).

Eu como qualquer outra mãe tinha medo que o LittleS viesse a ter cólicas então li muito sobre o assunto para tentar compreender o que poderia fazer para minimizar o problema (ler antes do problema estar instalado ajuda-nos a ter mais discernimento no momento!!!)... Entre Dr. Karp, Dr. Mário Cordeiro, manual de massagem infantil IAIM e Crossing Fingers, lá nos safamos sem cólicas :) 

Vou deixar alguns pontos importantes que normalmente abordo nas Aulas de Preparação para o Nascimento, por onde me orientei e que eu acho importante que os pais saibam.

_Todos os Bebés Choram *O fantástico Reflexo do Choro * sem ele não sobreviveríamos

_As cólicas só surgem por volta dos 15 dias (até lá, existe grande  probabilidade que o seu bebé esteja a chorar por fome e mesmo nessa altura não se esqueçam do pico de crescimento pois o vosso bebé vai pedir mais vezes a mama, ou seja, vai CHORAR e não são CÓLICAS ele só tem FOME)!

_Na grande maioria das vezes as cólicas surgem por imaturidade intestinal ou cerebral e não tanto pelas outras razões (ar engolido, intolerância à lactose, alimentos ingeridos pela mãe (por favor quem amamenta não tem que restringir nada na sua dieta, comam de tudo!!!).

_As Cólicas podem ser "diagnosticadas" através da regra dos 3 
   *3h por dia, 
   *3dias por semana, 
   *3semanas seguidas. 
No entanto existem médicos que afirmam que, caso o bebé chore desconsoladamente e sem motivo aparente com bastante frequência terá Cólicas. Eu descordo, acho que o mais provável nestes casos é o bebé sentir-se "perdido e com medo" pela imaturidade e com a "cura do abraço" é bem provável que eles acalmem, podem reler o post Descodificador de bebés.

_Quando os bebés têm cólicas estas podem surgir durante a refeição ou imediatamente depois.

_Bebés com cólicas contorcem-se, gemem e só ficam aliviados depois de libertarem os gases ou mesmo depois de fazerem cócó

_O embalo apertado no colo juntamente com uma ligeira pressão abdominal ajuda acalmar os bebés.

_Os bebés com Cólicas "nascem" com cólicas não se sintam culpados.

_O terceiro filho de um casal tem a mesma probabilidade de ter cólicas como um primeiro filho.

_As cólicas são mais frequentes à noite (entre as 18h e as 6h da manhã).

_Existem muitas culturas em que os bebés nunca têm cólicas :) ( Como explicam isto??).

_Realizar massagem abdominal ou fazer o protocolo das cólicas ajuda a evitar o aparecimento destas (&).
*MiMi*

(&) Próximo post será como Intervir no Monstro das Cólicas :) agora vou dormir :)

segunda-feira, 27 de abril de 2015

Sorrir Dá Saúde e Faz CresCer... MiMi&Son

Quem não quer ver a sua "criaturazinha" Sorrir? Neste Post vou mencionar algumas vantagens do riso...
Para que conste, os bebés são de riso fácil e têm bom humor, basta dar-lhes um pouco de carinho e atenção! 

Enquanto sorri o seu bebé:
  • produz imunoglobulinas (que são defesas e portanto Sorrir dá Saúde) :)
  • aumenta o fluxo de sangue que leva a uma melhor oxigenação do organismo (faz crescer)
  • envia mensagens positivas para o cérebro
  • estimula a auto-estima, tornando-os mais fortes e com maior vitalidade
  • aprende a comunicar*

Tente dar um abraço apertadinho, sorrir-lhe ou dar uma gargalhada, ele irá reproduzir o que viu e o amor será devolvido através de um briolhozinho no olhar e um sorrisinho no rosto!
O bom humor favorece de forma saudável o desenvolvimento psíquico e físico... Assim ao  SORRIR com o seu filho está não só a brincar e a ensinar, como também está ajuda-lo a crescer de forma feliz , encarando a vida futura com inteligência, coerência e bom humor!
*MiMi*




quarta-feira, 22 de abril de 2015

AMAmentaÇão _ Finalmente

Passados 4 meses do nascimento do LittleS. vou finalmente falar acerca da #AMAmentação, vai ser um abordagem breve e não muito maçuda, sim porque este tema tem "pano para mangas" e por norma ocupa duas sessões das Aulas de Preparação para o Nascimento ... 
ainda no recobro _amamentar o mais precocemente possível é a nossa filosofia e eu não fui excepção_
Neste post vou falar como #MiMiMidWife  mas  sempre dando apontamentos acerca da minha experiência como #MiMiMummy. Alimentar o nosso filho é sem duvida um dos grandes prazeres que a maternidade nos dá, no entanto temos que ser fortes, devemos estar informadas e certas do que queremos, porque da mesma forma que a nossa barriga quando grávidas é propriedade publica também a amamentação é tema de  domínio publico, todos tem sempre algo a dizer e todos sabem sempre mais do que nós....

_Primeiro conselho que dou a quem ainda está grávida, apesar da Amamentação ser um processo Fisiológico ele tem que ser apreendido, portanto leiam muito ou procurem informação, vai vos facilitar bastante o processo, vocês nunca amamentaram antes (mães de primeira viagem como eu) nem o vosso filho precisou de mamar! 

Ter consciência do que queremos e das dificuldades que vamos encontrar são meio caminho para um desfecho feliz.

_Já devem saber mas nunca é demais reforçar que o leite materno é o melhor alimento para o bebé podendo ser exclusivo até aos 6 meses de idade. O leite materno é o alimento mais completo, natural e adequado às necessidades do seu filho. 
#littleS tão Little mas tão despachado * 1ºdia *
As vantagens do leite materno para o RN são imensas, vou salientar algumas:
  • Favorece a maturação intestinal (uma das principais causas das cólicas é a imaturidade intestinal. Uma Nota importante: as Cólicas só surgem por volta dos 15 dias... Repito 15 DIAS até lá não são cólicas, ok?!!! Provavelmente o vosso bebé chora por fome ... );
  • Diminui risco de Síndrome de Morte Súbita;
  • Desenvolve as mandíbulas e os músculos faciais (importante para as etapas seguintes, por exemplo: quando iniciamos a introdução de alimentos sólidos ou mesmo para o inicio da fala);
  • O leite materno contém factores imunológicos;
  • Melhora o desempenho cognitivo.
Alimentar o nosso baby também tem vantagens para nós, tais como:
  • Diminuição do risco de ocorrência de cancro do ovário, útero e mama;
  • Ajuda na recuperação fisica (ADORO este);
  • Promove a vinculação ajudando a estabelecer o papel materno (AMO este)...

O aleitamento materno traz também benefícios para o casal:
  • O pai não tem que acordar de noite para aquecer o biberon :), logo vai estar bem disposto;
  • O pai não vai executar mal a técnica, porque somos nós que a fazemos :)
  • E o mais importante, O PAI nos primeiros dias tem que ser o mediador dos ruídos e da poluição sonora que vai existir! O nosso companheiro tem que ser o nosso principal aliado quando temos dificuldades na técnica ou em mandar "calar" as pessoas sábias que em vez de ajudar estão a stressar!
UPSSS.... já me estou alongar!! Gosto tanto deste tema que apetece-me escrever tudo :)

Para facilitar vou deixar DICAS!!

1. NÃO EXISTE LEITE FRACO :) Nunca se esqueçam disto! Todas nós somos capazes de produzir leite de boa qualidade podemos é produzir menor quantidade... para combater isso devemos oferecer mais vezes a mama. Quanto mais vezes o bebé mamar mais leite produz (a sucção estimula a produção leite), o cansaço assim como a hidratação são outros factores que influênciam a produção de leite. Beba bastante água e descanse sempre que puder, não faça sala às visitas nem queira ser empregada domestica 24h.

2. Os bebés quando nascem não precisam de muito leite (muito entenda-se, 30ml de leite), por isso é que nos primeiros dias nós produzimos COLOSTRO. Em jeito de curiosidade no primeiro dia ele só precisa de 5-7ml de colostro que é o tamanho do estômago dele!

3. COLOSTRO, tem aspecto amarelado cremoso e é um alimento altamente concentrado. É rico em proteínas, vitaminas, minerais e possui ainda grande concentração de imunoglobulinas (defesas). Umas gotas de colostro podem ser mais nutritivas que 30 ml de leite, que nos primeiros dias podem deixar o vosso bebé nauseado com dificuldade em fazer a digestão.

4. O nosso organismo é perfeito por volta do 3º/4º dia temos a descida do leite e nessa altura o estômago do nosso bebé aumenta a sua capacidade, ou seja, nós passamos a produzir a quantidade de leite que ele passa a ser capaz de digerir. Eu tive a minha descida do leite no dia de natal o que foi bastante interessante, ou não! Nesta altura podemos ter febre se precisarem (eu aconselho) façam o ibuprofeno ajuda bastante a tolerar a alteração física e hormonal que surge.
5. Quando temos a descida do leite é importante esvaziar a mama para nos sentirmos bem... Atenção, o bebé é que deve ter essa função!! Mas por vezes a nossa mama fica tão dura que ele estranha e tem dificuldade em "agarrar/abocanhar", nessa altura devemos massajar a mama em movimentos circulares e se for necessário devemos ir ao chuveiro com água quente e em movimentos circulares devemos massaja-la e devemos fazer alguma expressão para o leite sair. Caso isso não resulte ou alivie pouco e em último recurso utilizamos a bomba extratora de leite... LEMBREM-SE, se utilizarem a bomba NUNCA devem esvaziar a mama por completo, retirem só até se sentirem confortáveis! 

6. Existem PICOS de CRESCIMENTO que aumentam a necessidade de mamar... e é nessa altura que voltam as vozes sábias a dizer que o nosso leite é fraco!! Não desistam... o bebé esta num pico de crescimento e as necessidades dele aumentaram, o que devem fazer é dar-lhe mama, assim o organismo recebe a informação que precisa de produzir mais leite e o bebé fica saciado!! Estas alterações duram 2 a 3 dias, no entanto se introduzirem leite adaptado por medo ou por sugestão de alguém (que não o pediatra) o que estão a fazer é quebrar o ciclo informativo, pois o vosso organismo nunca vai perceber que precisa de produzir mais leite.

6. Momentos chave dos PICOS DE CRESCIMENTO:
  • 7º e 14º dia
  • 4º e 6º semana
  • 3º e 4º mês
Nestas alturas a composição do leite também tende a mudar e adaptar-se às necessidades do bebé.

7. Devem amamentar em ambientes calmos e sem stress, porque a adrenalina é antagonista da oxitocina, hormona responsável pela libertação do leite. 
8. Não existem horarios pré-estabelecidos para amamentar, o critério é livre demanda, ou seja, sempre que o bebé pedir, obvio que se ele não pedir passado 4/5h temos que insistir... Existem bebés sonolentos que precisam de ser acordados. O LittleS. sempre foi um relógio 3/3h acordava para mamar, hoje em dia já aguenta mais tempo principalmente à noite, o que não é nada mau :) Existem alturas que ele solicita leite antes e eu tenho perfeita noção que é sede, vocês com o tempo também vão conhecer o vosso bebé!

9. A realização de uma boa técnica é importante para que o seu bebé seja correctamente alimentado, uma má pega pode provocar dor/fissura nos mamilos, ingurgitamento mamário, uma suposta má produção de leite e um desenvolvimento inadequado.
10. Desfrute o momento único com o seu bebé... é delicioso saber que ele continua a crescer graças si :)
Existe muito mais para dizer acerca deste tema, no entanto, espero ter contribuído um bocadinho para o vosso conhecimento!!! Qualquer duvida podem sempre perguntar :) ou então podem frequentar o curso de preparação para o nascimento lá não fica nada por falar, certo colega/amiga de APN?!!  
**MiMi**

quinta-feira, 16 de abril de 2015

ExErCiCioS da MinHa RecUpeRaçãO Pós-Parto SNS

ReCuPerÇãO póS-PaRtO, faz bem ao corpo e à alma :) 

Trabalhar o nosso bem estar físico e emocional é sem dúvida meio caminho para vivenciar a maternidade na sua plenitude, conforme o momento merece!!!

A minha verdadeira recuperação pós-parto iniciou-se dois meses após o nascimento do littleS., antes fiz umas caminhadas que ajudaram a alma :) e drenagem  abdominal juntamente com massagem na zona da cicatriz... podemos dizer que iniciei a recuperação de forma calma e passiva! Como o littleS nasceu de cesariana também não podia abusar :) Mas desde então que todas as semanas faço tratamento pelo menos 2/3x por semana... 

Como já vos disse faço a minha recuperação em dois sítios diferentes mas o plano de aula é um pouco semelhante, as duas Fisioterapeutas que me acompanham MATAM-ME e as duas Chamam-me Preguiçosa :) (porque será) :) Neste post irei-vos falar da #RecuperaçãoSNS com a #FisioterapeutaEamiga Susaninha!

O meu plano de trabalho foi previamente delineado na consulta de fisiatria que tive antes de iniciar o tratamento, ok?! Porque cada caso é um caso :)
Então é assim, começo o tratamento com a ultra-som na zona abdominal seguindo-se calor húmido, drenagem abdominal, massagem na cicatriz e no final electroestitmulação... Tudo isto serve para drenar, estimular e reforçar os músculos abdominais!! Depois deste momento quase de relaxamento, segue-se o trabalho duro :)

Faço cerca de 15 a 20 min de passadeira com INCLINAÇÃO (elas matam-me...) e já meia morta passo para os ditos exercícios que todas nós podemos fazer em casa :)
(É nesta altura que por vezes "rezo" que o LittleS. reclame qualquer coisinha para  puder parar ... hihihi elas tem razão eu sou preguiçosa!! Mas também nunca irei ser magra e não :) !!)
Reportagem Fotografica e ilustrativa dos exercícios, esta semana foram assim mas vão variando :)

_Abdominais... ou abdominaisZihos :)


_Prancha lateral ... a trabalhar transverso, recto abdominal e glúteos 

_Flexões... a trabalhar peitorais e triceps


_Agachamento... a trabalhar glúteo


Depois de tanto exercício físico só falta mesmo falar da AMAmentação * que ajuda bastante na recuperação pós-parto, pois gastamos muitas calorias para produzir o leite assim como produzimos oxicotina, hormona responsável pela contracção do útero...


DICA IMPORTANTISSIMA, precisamos de 8 a 10 meses para voltarmos a ter a figura que tínhamos, mas não voltamos ao que eramos se tivermos paradinhas :)!! 

**MiMi**

Obrigada Susaninha *:)
* Prometo que no próximo post falo da Amamentação ... 

quinta-feira, 2 de abril de 2015

bebés ÚniCos e InComparáVeis no DeSenVolviMento...

Para que fique claro para mim e para todas as mamãs.... NÃO se deve Fazer COMPARAÇÕES entre bebés!! 


Cada criança tem o seu ritmo... sendo que existem algumas diferenças logo à partida entre géneros, pois as meninas são mais "Linguisticas" e os meninos mais "motoros". A evolução das crianças em alguns casos é gradual e uniforme nas áreas de desenvolvimento e noutras casos a evolução acontece em diferentes áreas separadamente.

Outro ponto importante a reter é que na maioria das vezes a evolução dos nossos pequenotes acontece em quatro momentos destintos: 
_1_ Absorção da informação;
_2_ Processamento da mesma;
_3_ Analise;
_4_ Evolução (quando decide o que alterar no seu estado anterior).
Portanto temos que estar atentos ao momento em que se encontra a nossa criança dando-lhes espaço para Absorverem, Processarem, Analisarem e só depois Evoluirem e seguirem para a próxima etapa.

É por isso que existem momentos em que parece que os nossos pequenos  descobriram algo do dia para a noite e existem outros momentos que parece que não evoluem há muito....

O LittleS. Descobriu as mãos há semanas e para já não quer outra coisa... Bem que o "obrigo" agarrar e agitar a roca... mas está NEM Aí! Ainda deve estar analisar :) ou então a decidir o que fazer com aquilo que já segura na mão!!
A única coisa nova é a sua obsessão pelos pés no banho... Fica tipo Apaixonado a olhar para eles... (O que não é nada mau porque segundo a literatura isso acontece durante o 4º mês!)


Dentro do desenvolvimento físico e motor há algum tempo que deitado de barriga para baixo eleva-se e vira a cabeça seguindo os sons, assim como já quer explorar o mundo quando colocado na posição vertical pois já tem alguma força muscular no pescoço (apesar de lhe termos descoberto uma posição viciosa mas já estamos a tratar do assunto)... agora fica muito atento ao que acontece e absorve tudo ! 



No que diz respeito ao desenvolvimento cognitivo e social é um fofo... Os nossos diálogos "GuguDahDa" são uma constante e o sorriso social uma delicia, para não falar do brilhozinho nos olhos quando me vê!! 

N.O.T.A : Sabiam que quando dialogamos com as nossas crianças estamos a promover a capacidade de concentração favorecendo assim o rendimento intelectual?? Verdade!!
Como devemos dialogar? Sempre que nos aproximarmos do bebé devemo-nos identificar " A mamã está aqui!" assim como devemos  identificar os objectos que lhe mostramos! Outra ponto importante do diálogo é a repetição, sempre que ele emitir um som, devemos reproduzi-lo e começa o diálogo... Nunca repararam que os bebés são uns macaquinhos de imitação, nunca deram conta? Eles tendem a repetir o que dizemos assim como as caretas que lhes fazemos! Experimentem deitar a língua de fora de forma exagerada e vejam como eles também tentam fazer :)

**MiMi**


domingo, 29 de março de 2015

2 Anos no Meu Mundo * #BlogBirthday


O tempo voa mesmo :)já passou mais um ano... E que ano!!!... tive de tudo, mas sobretudo tive o MeLhOr De TUDO, o Meu LittleS.!! Durante este ano fui partilhando convosco os meus dias, a minha experiência e os meus conhecimentos (as tristezas deixei só para algumas pessoas, espero que não se importem :) )! 
Fui a #MiMiPregnant, sou a #MiMiMidwife, a partir de agora serei para sempre a #MiMiMummy e irei continuar a fazer para ser a #MiMiHappy, afinal energia positiva atrai energia positiva! 

No ano anterior contei como nasceu o Blog, este ano vou dedicar o post de aniversário às pessoas que me apoiam, que vibram, que me incentivam a escrever e que me fazem acreditar que existe alguém desse lado a seguir o que escrevo de forma útil e feliz... Sei que existem outras pessoas que criticam o blog (mas lêem :)), talvez sejam apenas Velhos do Restelo, que nunca foram capazes de mudar, inovar, crescer e ajudar! Talvez sejam!!! Mas a verdade é que tanto me faz :) Sou FeLiZ assim tentado ser Empreendedora! 

Desta forma e em jeito de agradecimento aqui vai um bem haja à minha Revisora de Texto _Pimpa_, à minha critica número 1 nas ausências prolongadas de post _Nocas_, à _Cris_ pela serenidade e ao publico que me começou a seguir e me tem ajudado a continuar, um bom exemplo _Vera MM_.
foto_prendinhasMiMimáticas_
O lanchinho de hoje foi o aperitivo das comemorações a fasquia do ano passado está alta, podem rever clicando AQUI:), mas como agora tenho o LittleS. deixo a tarefa de organização para vocês :) 
**MiMi**
Nota: O Blog nasceu a 25 de Março mas a data oficial de comemoração é 29 porque assim eu decidi :)